NEXT CONQUEROR

o blog do Davi Jr.

RESENHA: Tokusou Sentai Dekaranger

O policial. A figura caracterizada tanto pela justiça como pelo temor é um dos personagens mais trabalhados em todas as modalidades de entretenimento. Seja pela proximidade da realidade quanto pela curiosidade que o ser humano tem pela tragédia, ele sempre está lá, seja filme, novela ou livro. Tokusou Sentai Dekaranger é o seriado de heróis coloridos que traz esse caricato de uma maneira tão heroica quanto curiosa.

A POLÍCIA VEM AÍ

É fácil se lembrar deles: todos heróis coloridos que combatem os perversos alienígenas que ameaçam dominar o planeta Terra. Não, não estamos falando dos famosos Power Rangers, mas sim da franquia de seriados japoneses que deram origem ao primo americano: os Super Sentais.

Por décadas esses heróis transmitem emoção, coragem e aventura a todos os japoneses, além de serem a primeira “escola” a educar as crianças do Japão a se aproximar dos mangás de ação que geram milhões em todo o mundo. A fórmula de jovens com roupas coloridas combatendo a alienígenas é a mesma desde sempre e sempre se mostrou muito eficiente, se reinventando mesmo contando sempre a mesma história.

Com tantos anos de existência, era de se esperar que a temática de policiais já tivesse sido usada neste tipo de seriado, porém a franquia dos Super Sentais só ganhou este tema em 2004, com a estréia do vigésimo oitavo seriado Super Sentai: o Tokusou Sentai Dekaranger, ou Esquadrão de Investigação Dekaranger, numa tradução livre.

Provavelmente os heróis coloridos tenham demorado mais de 28 anos para ganhar seu seriado policial por a Toei Animation ter se utilizado muito da temática em outras de suas franquias, em especial a dos Metal Heros.

Doggie lidera a força SPD da Terra!

Doggie lidera a força SPD da Terra!

Misturando elementos de sua tríade de policiais do espaço, Gavan, Sharivan e Shaider, com seu robocop Jiban e a trilogia de heróis de resgate, Winspector, Solbrain e Exxcedraft, a gigante japonesa deu origem a um universo criativo e cheia de referência aos seus seriados e aos seriados policiais de todo o mundo.

Mesmo a palavra Deka, não foi escolhida por acaso para dar origem ao seriado. Em japonês Deka é uma gíria para policial, algo próximo do “tira” usado no Brasil.

SPD: SPECIAL POLICE DEKARANGER

Logo de início, o espectador é apresentado ao principal destaque da série: o seu rico universo. E quando se fala de universo estamos falando, além dos elementos que compõe a história, de todo o universo intergaláctico que é composto por uma poderosa federação policial que defende o universo das forças do mal: a SPD, Special Police Dekaranger.

Espalhada por todo o universo não é de se estranhar que seus membros sejam também das mais diversas origens, com uma grande mistura de etnias e membros. A SPD se assemelha muito a Tropa dos Lanternas Verde, porém estes tem várias e várias cores de uniforme, sendo a maioria dos esquadrões de ação são formados por cinco jovens, além do comando e da equipe técnica.

O DekaMaster é um dos maiores policiais do universo!

O DekaMaster é um dos maiores policiais do universo!

Akaza “Ban” Banban é um dos mais dedicados e apaixonados membros dessa grande corporação, porém, como num mangá dos anos 2000, é um tanto quanto afoito ao encontrar soluções para as investigações  Ban, como gosta de ser chamado, se coloca em constante risco, destruindo o patrimônio publico e colocando os cidadãos comuns em perigo. Por isso, a história começa a ser contada quando o policial que usa traje vermelho, de DekaRed, é transferido para a Terra (sim! Ele é um também é um alienígena), na equipe de Doggie Krugger, um comandante com cara de cachorro que é oriundo do planeta Anubis e é um dos mais respeitados agentes da SPD.

Krugger é conhecido por apadrinhar e educá-los a aprender a agir em equipe. O cachorrão aposta que Ban é o complemento ideal para sua equipe, formada por quatro membros um tanto quanto previsíveis.

Como DekaBlue e líder da maioria das missões, Hoji é o membro mais responsável da equipe, sempre pronto para se sacrificar pelo seu companheiro. Parecida com ele, Jasmine, a DekaYellow, é um ESPer, um ser com habilidade especial que consegue ler os pensamentos de pessoas apenas ao tocar nelas sem as suas luvas.

Sen, o DekaGreen, é o mais quieto e também o mais inteligente da equipe, sempre ficando de ponta-cabeça, sua posição favorita, para desvendar os mistérios mais difíceis. Ao contrário dele, temos a estourada Umeko, a DekaPink, que adora um bom banho após o combate, se tornando o fetiche dos marmanjões japoneses mais adeptos do “moe”, a paixão de fãs por personagens femininas.

Swan é a maior policial técnica do universo!

Swan é a maior policial técnica do universo!

NADA DE IMPÉRIOS!

Com uma força de defesa tão grande, já era de se esperar que não haja na série um Super Império Galáctico (o vilão mais comum dos seriados Super Sentais) querendo dominar a Terra, fazendo com que o universo criado gerasse um vilão bem peculiar: um mercador de drogas, tecnologia e armas que se utiliza dos desejos e das repressões dos alienigenas refugiados na Terra.

Procurado por toda a galáxia por ter levado sete galáxias a destruição, o Agente Abrera também é o responsável pelos combates dos dekas com robôs, um elemento essencial em todos super sentai, já que é ele que constrói, e vende, as máquinas gigantes que destroem cidades diversas do Japão.

Tal feito faz com que todos os episódios hajam pelo menos 2 monstros: um de tamanho terreno e outro de altura colossal.

No início tal necessidade, no início, fez com que os produtores resolvessem fluir os episódios da série de maneira diferente dos seus 27 antecessores: cada caso resolvido por Ban e sua equipe seriam realizados em episódios duplos, tais como vários seriados americanos dos anos 70, porém tal sistemática pareceu não dar muito certo.

DekaBreak faz parte da elite da SPD.

DekaBreak faz parte da elite da SPD.

Apesar de ser produzido por fanáticos do entretenimento e por isso mesmo atrair muitos adultos, o público cativos da franquia Super Sentai ainda são as crianças. Passando um episódio por semana, os pequeninos acabavam se confundindo e perdendo o interesse por um seriado que não concluísse ou começasse uma história pela metade.

Mesmo acelerando as aventuras, a dupla de monstros semanal trouxe diversos pontos positivos a série, como o uso criativo de robôs, que pela primeira vez comumente se alternava com a ação dos heróis em Terra, sem contar que as ações de Dekaranger Robô, DekaWing, DekaBike, DekaBase e suas diversas combinações são sempre muito bem justificadas, não sendo um festival de mechas batalhando como samurais!

NÃO ME CHAME DE PARCEIRO!

Assim como na maioria da séries, o conflito de personalidades é o ponto mais maduro a se abordar. Mesmo com um tom mais bonachão como todas as séries sentais dos anos 2.000, mas muitos momentos são dignos de admiração.

O conflito de Ban e Hoji, que se nega a ser chamado de parceiro pelo DekaRed, gera diversas disputas desnecessárias, mas que Ban sempre releva graças a sua maneira simples e inocênte de ver as coisas.

A líder da Tokkiyu fez história mesmo aparecendo em apenas um episódio.

A líder da Tokkiyu fez história mesmo aparecendo em apenas um episódio.

Muito do amadurecimento dos personagens se devem a esses conflitos que são levados a extremos com a aparição de novos integrantes para a equipe, que somam o recorde de membros: oito.

Membro do esquadrão de elite Tokkiyu dos Dekaranger, Tetsu, o DekaBreak, vem para a Terra para solucionar um caso que o quinteto de Ban se mostrou incapaz de por um fim, e acaba. Porém, seu jeito racional acaba se atraindo pela forma apaixonante com que o DekaRed trata os casos e como o trabalho em equipe pode render grandes vitórias, decidindo ficar na Terra de maneira interina.

Além do deka de número IV, o próprio Doggie Krugger se torna um Deka em momentos de necessidade. Estampando o número 100 em sua armadura e em sua espada laser, o DekaMaster sempre arrasa em suas performances arrebatadoras.

Doggie só não permanece frio quando a agente técnica dos Dekarangers está em perigo. Swan Shiratori, a DekaSwan, é a maior gênio do universo, mas decidiu ficar na Terra ao lado de Doggie devido ao romance não declarado que ambos demonstram ao longo da série.

Mas não pense que para por aí. Apesar de serem oito na equipe, a Toei Animation não deixaria que a analogia com o número dez do nome da série caísse por Terra, fazendo com que duas integrantes do Dekaranger internacional somasse 10 rangers na série.

Marie é a DekaGold, décima ranger e exclusiva do filme!

Marie é a DekaGold, décima ranger e exclusiva do filme!

Durante a série, chega Lisa Teagle, a DekaBright, líder de Tetsu e de toda a tropa Tokkiyu. Depois, apenas no longa-metragem do título, é apresentada Marie, a DekaGold, que vem a Terra ajudar os Dekas e ainda render boas vendas de bonecos nas lojas de brinquedos.

JUDGMENT!

Poderia-se listar todos os elementos que a série tem aqui, porém, a lista nao teria fim. Se na maioria dos casos a solução parece óbvia para um adulto solucionar, a quantidade de referências ao contexto internacional da figura do policial é rica exatamente por privilegiar os fãs do gênero de longa data.

Cheia de casos, assassinatos, roubos e históricos que não deixam nada a dever para um super sentai de vilões regulares, Dekaranger cativa por sua quebra de padrão de série que se seguia nos seus anos anteriores e por ser o sentai mais democrático de toda a história: além de ser a série com o maior número de ranger mulheres (mesmo que com baixa participação), é uma das poucas séries que mostra a possibilidade de um convívio harmonioso de humanos com extra-terrestres, quebrando o paradigma de alienígenas todos tiranos.

A série demora mas mostra o seu porquê, ao mesmo tempo que mostra o porquê de Ban merecer ser o protagonista: um policial deve acreditar em seus instintos e se apoiar em sua competência para apostar nas pequenas probabilidades de se conseguir sucesso em soluções inesperadas, afinal, dar tudo de si por um mundo a beira do colapso, numa profissão onde se arrisca a vida todos os dias, já é uma pequena probabilidade de acontecer, mesmo tanta gente se arriscando pelo bem da terra todos os dias na profissão de policial.

Não há nada mais legal na série que ver toda a equipe junta!

Não há nada mais legal na série que ver toda a equipe junta!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: