NEXT CONQUEROR

o blog do Davi Jr.

RESENHA: Anime Friends 2012 – Dia 15

“Mais um dia amanheceu, um novo sonho aconteceu. Toda aquela confusão, eu não disse que ia passar?” É com o clima dos primeiros versos do tema da abertura brasileira de Hunter x Hunter, co-criado e interpretado por Ricardo Cruz, que iniciou o último dia do Anime Friends 2012, afinal o susto inicial do tamanho da Faculdade Cantareira já havia passado e o último domingo prometia a realização de grandes sonhos dos fãs brasileiros.

Com uma primeira semana agitada e cheia de atrações (clique aqui para ver como foi o primeiro domingo), com destaque para a primeira edição do Super Friends Spirits 2012 com as apresentações memoráveis de Nobuo Yamada e Takayoshi Tanimoto (clique aqui para saber como foi), a segunda semana começou prometendo atrações tão ou mais grandiosas quanto.

Só a vinda do JAM Project para o Brasil em sua turnê oficial pela América Latina (tema da próxima postagem) já fazia do último dia do evento um dia especial, mas as atrações adicionais também fizeram por merecer.

Logo no começo da tarde, os fãs puderam conhecer de perto um dos dubladores mais queridos dos personagens dos desenhos animados. O carioca Marcelo Garcia subiu ao palco principal para brindar os fãs com as suas performances mais queridas, como Krypto (de Krypto, o Super Cão), Flash (de A Liga da Justiça), Humpty Dumpty (de o Gato de Botas), entre muitos outros. Para se despedir, o dublador não pode fazer outra coisa senão dar um “Catchau”, relembrando o Relâmpago McQueen, protagonista do filme Carros, da Disney.

A Banda Wasabi levou o público a loucura com os maiores temas de animesongs!

Fazendo a alegria dos fãs de animesongs, a Banda Wasabi subiu no palco principal do evento cantando as canções mais queridas dos fãs de animesongs. Variando entre temas em português e japonês, Carol Himura e Rafael Ryuji (os dois vocais) levaram o público a loucura quando, em clima de Latin American Tour, encerraram o show com os temas de Dragon Ball, em homenagem a Hironobu Kageyama, o leader band do JAM Project, que aguardava próximo do show a hora da tarde de autógrafos que iriam dar aos fãs.

Se no primeiro domingo a Faculdade Cantareira suportou muito bem o público protegendo os otakus do frio de São Paulo no inverno, o mesmo não parecia acontecer no último domingo, já que o número de caravanas e de público interessado nas atrações internacionais aumenta exponencialmente.

Para evitar uma superlotação e comprometer a ergonomia do local, a Yamato Eventos decidiu por limitar os ingressos do último dia para as caravanas que se organizaram antecipadamente e para os ingressos vendidos antecipadamente.

A medida não só privou muitos fãs de participarem do evento no último dia (que costuma ter mais de 40 mil pessoas) como também gerou umas série de fatos: o preço do último ia aumentou muito (chegando a R$80,00 a entrada inteira), muitos fãs decidiram participar do evento em dias alternativos (como quintas e sextas-feiras) e foi criado o “Ibira Cosplay” uma manifestação popular de boicote ao evento no Parque Ibirapuera que tinha por finalidade manifestar a insatisfação com o local do evento.

Cosplay de babar: Jaspion estava no Anime Friends 2012!

Protestos como o do Ibira Cosplay são mais que compreensívas, afinal 2012 é a data do décimo Anime Friends, uma data histórica, que merecia todo o glamour que o evento conquistou desde a sua criação.

Mais que inovador, o Anime Friends é se tornou um gigante rompedor de fronteiras, trazendo o animesong japonês para o Brasil e para a América, entrando para o calendário oficial da cidade de São Paulo e se tornando referência em eventos de cultura pop em todo o mundo.

A Faculdade Cantareira pode ter servido de “plano B” para a Yamato realizar o evento sem grandes preocupações, mas o Anime Friends tem crescido de maneira tão avassaladora desde a sua criação, que contê-lo após dez ano de existência é o mesmo que sacrificar o crescimento de um segmento de cultura em seu auge.

O Anime Friends é o mais próximo que o Brasil tem de grandes feiras internacionais de entretenimento, como o ComicCon, a E3 ou Salón del Mangá e está na hora de a Yamato Eventos formatá-lo desta maneira: unir empresas, franqueadas e representantes no Brasil de grandes nomes do entretenimento mundial em um só evento, começando com algo como foi o Anime Friends 2010 (leia aqui para saber como foi), mas realizada num local que atraia o orgulho dos fãs e o interesse do patrocínio de grandes empresários.

Banda Four Swords: a música dos games também tem vez no Anime Friends!

Afinal, o Anime Frinds 2012 foi marcado pela superação de obstáculos e pela realização de grandes atrações que brindaram as dez edições do evento e marcaram a vida dos fãs para sempre, mas todos os que lá estiveram saíram com uma certeza: este evento foi muito bom e por isso mesmo, merece ficar muito melhor!

Agradecimentos as fotos do N-Party.

Anúncios

2 Respostas para “RESENHA: Anime Friends 2012 – Dia 15

  1. Pingback: RESENHA: Ressaca Friends 2012: com Paul Zaloon, o ator de Beakman e Rica Matsumoto, a cantora de Pokémon « NEXT CONQUEROR

  2. Pingback: RESENHA: Anime Friends 2013 – 10th Anniversary Edition | NEXT CONQUEROR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: