NEXT CONQUEROR

o blog do Davi Jr.

REVIEW: Super Friends Spirits 2011 – dia 10

Os concertos musicais sempre encerram o dia dentro do Anime Friends. Entre shows de bandas nacionais, covers, internacionais, estão os shows denominados Super Friends Spirits, que sempre trazem cantores japoneses do estilo anison (junção das palavras anime e song), fazendo referência aos grandes festivais japoneses que levam ao palco intérpretes de temas de animes e tokusatsus, como o Super Hero Spirits e o Animelo Summer.

O Super Friends Spirits pode ser considerado o grande diferencial do Anime Friends para qualquer outro evento, já que foi pioeneiro, logo na sua primeira edição em 2003, ao trazer artistas japoneses em shows de grande porte ao Brasil. Entre os convidados que já se apresentaram no Brasil estão Hironobu Kageyama (intérprete de Chala Head Chala), Nobuo Yamada (intérprete de Pegasus Fantasy) e Kouji Wada (intéprete das músicas de Digimon).

Na edição 2011 do evento, a Yamato preparou 4 apresentações de Super Friends Spirits, nos dias 09, 10, 16 e 17 de julho, sendo que em cada fim de semana, artistas diferentes foram selecionados. Para o dia 10, o evento recebeu os cantores Akira Kushida e a dupla Psychic Lover:

• AKIRA KUSHIDA
O cantor japonês é o intérprete de várias músicas de seriados japoneses conhecidos no Brasil, como Jaspion, Jiraya, Sharivan, Jiban entre outros. Esteve no Brasil pela primeira vez em julho de 2003 na primeira edição do evento Anime Friends junto com o também cantor Hironobu Kageyama e o ator Hiroshi Watari. Foi, junto com Kageyama, um dos cantores de animesong que mais se apresentou no Brasil, incluindo um show no Anime Friends 2009 que fez parte de sua turnê mundial.

Kushida agitou o palco do Anime Friends em todas as vezes em que esteve presente.

• PSYCHIC LOVER
A dupla Psychic Lover ganhou fama no cenário das animesong’s após diversos trabalhos com tokusatsus e animes, onde se destacam as canções para Shinkenger, Decaranger e Ring Ni Kakero. A banda já foi formada por 6 integrantes, mas hoje é composta apenas pelo vocalista Yoshiyuki “YOFFY” Wada e o guitarrista Tatsuhiro “Imajo” Imajo. A dupla também integra o “Project R”, equipe de músicos formada pela Toei Animation para compor as canções de suas produções.

Yoffy e Imajo prometerão arrasar no palco do Anime Friends 2011!

O show teve aproximadamente uma hora e meia de duração e contou com o seguinte set-list:

01 – Cho! Saikyo! Warriors (abertura de Bakugan: Nova Vestróia)
02 – Samurai Sentai Shinkenger (abertura de Shinkenger)
03 – Kidou Keiji Jiban (abertura de Jiban)
04 – Ashita Yohou Wa Itsumo Hare (encerramento de Jiban)
05 – Tokusou Sentai Dekaranger (abertura de Decaranger
06 – Dekaranger Action (inserção em Dekaranger)

MC

07 – Taiyo Sentai Sun Vulcan (opening de Sun Vulcan)
08 – Ginga No Taarzan (inserção em Jaspion)
09 – Shinobi 88 (encerramento de Jiraya)
10 – Lost In Space (encerramento de Tytania)
11 – Precious Time Glorious Days (abertura de Yu-Gi-Oh GX)
12 – Boukensha On The Road (Encerramento de Boukenger)

MC

13 – Guts Guts (abertura de Toriko)
14 – Sekkai Ninja Sen Jiraiya (abertura de Jiraiya)
15 – Juumon kourin Magical Force (encerramento de Magiranger)
16 – Chouwakusei Sentou Bokan Daileon (inserção em Jaspion)

ENCORE
17 – Ore Ga Seigi Da Jaspion (abertura de Jaspion)

Neste ano, mesmo sendo a terceira edição do evento no Mart Center, a área do palco foi modificada, visto que o local passa por intenças reformas desde 2009. Localizado atrás do prédio onde foi realizado os campeonatos do Press Start e no fim do corredor da praça de alimentação, o palco ficou mais fácil de ser observado, mas com uma area levemente reduzida, principalmente em sua área esquerda de observação, que agora é ocupada pelos muros limitrofes do Mart Center.

A própria concha acústica usada pela Yamato também sofreu algumas alterações. Agora mais baixa do que nos anos anteriores e com um pequeno corredor central que possibilita que o artista se aproxime um pouco mais de seu público. A área para a banda também diminuiu, mas é suficiente para alocar baterias, teclados, guitarristas e baixistas.

A disposição da pista de público também mudou, dessa vez para melhor. Com uma área Vip colocada em frente ao palco, muitos fãs puderam ficar muito próximos de seus artistas favoritos. Mesmo a grade que separa a área Vip da pista principal estava mais próxima do palco, dando a sensação para quem chegava ao show que poderia quase tocar no artista.

O show começou com Psychic Lover entrando no palco e já mandando ver em dois de seus temas mais famosos, Cho! Saikyo! Warriors, a abertura de Bakugan: Nova Vestróia e Samurai Sentai Shinkenger, tema de abertura do tokusatsu de mesmo nome. Isso alegrou todo o público e se intensificou ainda mais quando Akira Kushida entrou no palco e já cantou o tema de abertura de Jiban, o Policial do Futuro.

O show seguiu com vários temas de ambos os artistas e culminou em Decaranger, quando Ricardo Cruz (cantor brasileiro integrante da banda japonesa JAM Project) subiu ao palco para um free-talk com o Psychic Lover. Durante a conversa foi citada a idéia de fazer um show unindo as duas gerações de cantores de tokusatsu, Kushida representando a velha guarda e Yoffy e Imajo representando a nova geração de cantores dos seriados de heróis do Japão.

Entre uma música e outra alguns pontos inesperados aconteciam, como a Dança do Siri de Akira Kushida enquanto ele cantava o tema de abertura de Jiraiya e a semelhança que Yoffy encontrou entre as palavras Sem problema e Saint Seiya, rendendo até alguns versos da já lendária música Pegasus Fantasy de Os Cavaleiros do Zodíaco.

E por falar em surpresinhas, vale lembrar o grande encontro de Akira Kushida com um cosplayer de Kamen Rider OOO. O encontro rendeu a interpretação do cantor da voz do cinturão do herói, que ele dublou na versão original da série.

Kushida ainda teve a oportunidade de cantar no Brasil a sua mais nova música, Guts Guts, abertura de Toriko, anime baseado no mangá de mesmo nome publicado nas páginas da revista semanal Shonen Jump. Essa canção marca a volta do cantor para o mundo das animesong’s, já que a quase 20 anos o cantor apenas interpreta músicas de tokusatsu.

Para finalizar, Kushida e Psychic Lover se uniram no palco para cantar o tema de Jaspion, o tema mais querido de tokusatsu dos fãs brasileiros. Apesar de ser a terceira vez que cantores de toku-songs encerram o show com esse tema, ele é essencial para que o show finalize, dando uma emoção toda especial até nos fãs mais contemporâneos.

Pela primeira em todas as edições do Super Friends Spirits, a Yamato Eventos optou por uma redução na quantidade de artistas subindo ao palco ao mesmo tempo. Desde a sua primeira edição, os shows de animesong eram divididos, ao menos, por três artistas, sendo que o máximo que já se apresentaram juntos foi em 2007, quando 6 artistas se apresentaram juntos para comemorar os 5 anos de evento.

Porém, na edição de 2011, cada edição do Super Friends Spirits foi restrita a apenas dois artistas. Em um primeiro momento, isto pareceu positivo, já que cada artista teria um maior tempo para apresentar suas canções, mas isso se mostrou ineficiente a medida que o show foi decorrendo, já que era nítida a pouca variedade de canções que iam se apresentando. Visto que a idéia do Super Friends Spirits é simular um festival de canções de anime e tokusatsus (que definitivamente apresentam uma variedade bem grande em cada tema) no Brasil, a escolha se mostrou ineficiente.

Somado a isso, o público ainda se deparou com um show curto. Pelo terceiro ano consecutivo, a Yamato Eventos optou por um concerto de duração de apenas uma hora e meia. É dificil de entender o porquê disto. É estranho pensar que uma empresa se prontifica a trazer dois artistas japoneses que tem que cruzar meio mundo (literalmente) para chegar ao Brasil e dá apenas um espaço de uma hora e meia de apresentação.

Tanto o Psychic Lover quanto Akira Kushida tem repertório suficiente para fazer um show com mais de duas horas mesmo estando sozinhos no palco, quanto mais se apresentando juntos! Ainda mais por a alternância de tempo no palco minimizar o cansaço humano que os artistas poderiam ter enquanto estivessem no palco. Músicas interessantes para o público brasileiro ficaram de fora, como Take My Soul Forever de Psychic Lover e Uchuu Keiji Gyaban de Akira Kushida.

Mesmo o palco estar bem interessante e a qualidade dos artistas ser alta, o show ainda teve mais um porém. Mais uma vez a Yamato Eventos não colocou uma banda ao vivo para acompanhar os cantores em suas músicas, que tiveram que interpretar suas canções junto com um karaokê, deixando os artistas presos a performances pré-definidas.

É claro que só o fato dos artistas estarem em solo brasileiro já é motivo de alegria e satisfção or parte dos fãs.  Mas é inegável que em um show de apenas uma hora e meia de duração sem uma banda ao vivo para acompanhar o resultado final é muito prejudicado.

É claro que as dificuldades enfrentadas para a apresentação de um cantor japonês no Brasil são infinitas, e nós agradecemos a Yamato por apostar nesse mercado e trazer esses artistas ao Brasil. Mas com medidas simples (e óbvias) o Super Friends Spirits poderia ter sido um evento muito mais completo.

Assim como todo o dia 10 do Anime Friends 2011, o Super Friends Spirits se motrou um evento bonito, presente e animador, mas sem aquele espírito audacioso e contagiante visto nas edições de 2007, 2008 e 2010, que fazem o Super Friends Spirits o maior festival de animesongs das Américas.

*Fotos oriundas do site Planeta Otaku. Clique aqui para ver toda a galeria do evento.

VÍDEOS

• Psychic Lover cantando Samurai Sentai Shinkenger

• Tokusou Sentai Decaranger

• Akira Kushida com Kamen Rider OOO

Akira Kushida cantando Kidou Keiji Jiban

Akira Kushida cantando Sekkai Ninja Sen Jiraiya e fazendo a Dança do Siri

Akira Kushida e Psychic Lover encerrando o show com Ore Ga Seigi Da Jaspion

Anúncios

Uma resposta para “REVIEW: Super Friends Spirits 2011 – dia 10

  1. Felipe Souza julho 14, 2011 às 12:56 am

    O Show foi incrível, pena que público não foi tão grande. Por fim, perdi o Shinkenger, o qual estava esperando dias. =S
    De qualquer forma, tanto a dupla Psychic Love quanto o Akira Kushida demonstraram grande vontade e ânimo durante todo o show! Ponto para o Brasil!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: